17 de out de 2010

Dia das crianças

Hj vou comentar sobre o meu presentinho do dia das crianças.
Tava até embaladinho pra ocasião.



Esse é o primeiro Wargame do grupo, e posso começar afirmando que das versões nacionais de jogos de guerra entre WAR da Grow e todas as suas variações e o RISK este é  melhor e olha que eu estou comparando esta nova versão do game básico do RISK com todas as versôes do WAR.
RISK tbm tem uma infinidade de variantes em suas versões temáticas entre elas Napoleão, Senhor do Anéis, Star Wars, Transformers entre outras.


Mas o assunto hj é sobre RISK básico que é o único que eu já joguei.


O clássico jogo de guerra Risk foi atualizado e revisado em 2008. Os gráficos e componentes são totalmente novos. Foram adicionados objetivos principais e secundários além de capitais e também recompensas pelos objetivos completos.


A nova versão tem uma condição de vitória drasticamente modificada: completar três objetivos enquanto controlando sua capital. Isto encurta o tempo de jogo para cerca de 90 minutos.


Há três variações de regras: Treinamento Básico, Sala de Comando e Conquista Mundial.
Treinamento básico é uma introdução às novas regras do Risk e inclui um setup pré construído para 3, 4 ou 5 jogadores, que traz fotos com a posição e quantidade de cada tipo de unidade que vc vai colocar no tabuleiro.


Sala de comando adiciona um setup randômico e recompensas pelo alcance dos objetivos. Tanto o Treinamento Básico quanto Sala de Comando terminam quando um jogador conquista 3 objetivos mas no modo Sala de Comando vc além de conquitar 3 objetivos deve tbm controlar a sua própria capital.


Conquista Mundial é uma versão atualizada da classe de jogos de dominação mundial, o jogo continua até que um dos jogadores controle todos os territórios.


O maior diferencial à favor do RISK na minha opinião é a introdução das cidades e capitais que ajudam na contagem de pontos no inicio do turno para adquirir suas unidades, vc tbm pode conquistar cidades e capitais inimigas, geralmente isso além de enfraquecer seu oponente tbm serve como objetivo conquistado.


O fato de termos uma seleção aleatória de objetivos no início do jogo e estes ficarem sobre o tabuleiro disponíveis a todos os jogadores, vc só pega a carta de objetivo quando conquista ele durante o jogo, no final do seu turno, é uma grande inovação e o maior diferencial deste jogo frente ao WAR ou seja vc não tem que ficar tentando cumprir aquele objetivo manjado, no qual mesmo a carta estando escondida seus amigos já sabem o que vc precisa fazer somente pelas suas ações no mapa e tbm não tem aquela de destruir todos os exércitos de tal cor que eu sempre achei o objetivo mais idiota do WAR.


Minha preferência ainda são os Eurogames, "Catan forever", mas este Wargame me agradou e muito, ótima opção pra quem gosta de jogo de guerra e quer algo além do WAR, que não seja importado.


OBS: Já joguei muito WAR e me diverti bastante com ele em outras épocas, caso não tenha disponibilidade de levar O RISK pra uma jogatina na casa de amigos e por lá tenha o nosso veterano WAR encaro ele numa boa, mas é muito legal quando encontramos um game novo para substituir o basicão.


Abaixo + algumas fotos.




 A Oceania sendo atacada por um Hamsterzilla.

14 de out de 2010

Aprenda a jogar RPG com Marcelo Adnet

Como de RPG eu não manjo muito resolvi trazer um vídeo de um especialista no assunto.
heuaheuaheua.

video

Board Game Rural

Feriadão sem tabuleiro, de sábado à segunda o que podemos fazer? Que saudade do Catan, cadê meu Carcassonne?


 Hum já sei, vamos jogar sem tabuleiro mesmo.
heuaheuaheua.

Estas são as cartas de recursos utilizadas no Catan.

Trocas uma Madeira por uma pedra? Te dou um cachorro de brinde. :)

Aqui eu tava fazendo um rolo de uma ovelha numa madeira, mas a Jessica veio oferecer um tijolo só pra complicar, por sorte eu tinha sempre um cachorro por perto pra complementar a oferta. :)

Por fim a Jessica usou uma madeira e um tijolo pra construir uma estrada.

Contamos até com a presença dos ladrões no deserto.



Depois fomos para uma rodada de Carcassonne.

Nossos seguidores eram um Monge no mosteiro, um ladrão na estrada e um camponês no campo.

 Comparando os Meeples originais com os nossos, os originais parecem bem mais bonitinhos.
Principalmente o campônes.

9 de out de 2010

Resultado do Test Drive

Como eu estava treinando para o Pré-Release de Scars of Mirrodin que aconteceu no sábado e domingo passado 02/10 e 03/10/2010, acabei atrasando a postagem sobre a ultima jogatina aqui em casa, foram 7 dias de treino no Magic Online dormindo o mínimo possível mas valeu a pena, o resultado nos 2 torneios foram bons.


Agora sobre o Carcassonne, o jogo realmente é ótimo, impressionante como um jogo com uma mecânica tão simples, consegue ao mesmo tempo ser tão estratégico e diferente a cada partida, a rejogabilidade do Carcassonne parece infinita isto somente com a caixa básica, ainda existem varias expansões e Stand-alones do jogo que podem ser adquiridos.


Estou de olho na expansão The Princess & the Dragon que como o nome já diz acrescenta as peças da princesa e do dragão que trazem uma dinâmica diferente em sua movimentação e na estratégia do jogo e alguns novos tiles(peças do tabuleiro).


Tbm estou de olho nos Stand-alones (caixas individuais do mesmo game com temática diferente), um deles é The city, este é um baú de madeira contendo uma versão maior do jogo Carcassonne focada na construção de uma cidade medieval e trazendo uma nova função para os followers-seguidores, agora eles tbm podem ser guardiões dos muros da cidade.


O outro Stand-alone que me chamou a atenção é Hunters and Gatherers, este é ambientado na Idade da Pedra em meio a florestas e rios, onde o jogador deve mandar seus seguidores desempenhar funções de caça
e pesca.


Resultado final a caixa básica de Carcassonne rende muitas horas de jogatina, de tão bom a Marcia minha esposa que costuma ser muito resistente a qualquer tipo de jogo, jogou este e gostou muito, sendo assim tive que avisar o Mário que comprasse outra caixa pra ele pq esta que ele me emprestou a galera não me deixou devolver.


Abaixo seguem algumas fotos da jogatina aqui em casa:

Preparação

Abrindo a caixa do nosso Catan que estava lacrada.

Destacando os tiles do Catan, cuidado ae Jessica com o meu joguinho :p

Assim terminou a primeira rodada do Catan.

A primeira rodada do Carcassonne.

22 de set de 2010

Test Drive

Sabe o Mario??
Pois é devolvi o Catan que o Mario havia me emprestado, peguei o meu lacrado na caixa, ainda nem abri vou deixar pra abrir no próximo encontro do grupo para não perder o cheirinho de novo.


Junto com o Catan peguei emprestado o Carcassonne, já estou lendo as regras e devemos jogá-lo neste findi.


Abaixo estou colocando algumas informações sobre o jogo que coletei de duas fontes: Devir que está produzindo o jogo em português e espanhol e da Ilha do Tabuleiro, melhor site nacional sobre jogos de tabuleiro na minha opinião.


Devir
Carcassonne é uma zona fortificada no sul de França, com uma grande tradição medieval. De autoria de Klaus-Jurgen Wrede, Carcassonne foi um enorme sucesso com mais de meio milhão de jogos vendidos no ano passado.


E qual é o segredo por trás deste sucesso? Um jogo de família, com regras simples, rápidas e sempre diferentes. Os jogadores vão criando um mapa da zona de Carcassonne à medida em que o jogo avança, construindo cidades, caminhos, igrejas e fazendas e colocando lá os seus seguidores - cavaleiros, ladrões, monges e agricultores - que dão pontos aos jogadores. Quem tiver mais pontos ganha!

Edição: Bilingüe

Autor: Klaus Jurgen Wrede







Ilha do Tabuleiro
Mecanismos de Jogo: Cerco de Área e Colocação de Pedras.


Jogo leve, com tabuleiro modular (onde os jogadores devem "montar" o tabuleiro, com peças que se encaixam). Cada jogador, em sua vez, deve pegar uma peça da pilha e encaixá-la com outra previamente posta (por outro jogador, ou por você mesmo). As peças, ao se encaixarem, formam construções, como cidades, estradas e monastérios, onde devem ser postos os peões (chamados de Followers-Seguidores pelos fabricantes do jogo), e a pontuação dada por ele será relativa ao tile que ele ocupa. Em um tabuleiro a parte são somados os pontos.
Ganha o jogador que somar mais pontos ao final do jogo. O jogo acaba quando todas as peças já foram posicionadas no tabuleiro.


Foram lançadas algumas expansões para o jogo, como "The River", "Traders & Builders" e "Inns & Cathedrals".


Descrito por: Augusto A. Medeiros.




Abaixo algumas imagens do Carcassonne.




Depois da jogatina vou postar comentários sobre o que achamos do jogo.

20 de set de 2010

Primeira Jogatina oficial do grupo.

Bom esta foi a primeira noitada de Jogatina do grupo aqui em casa, começamos de forma modesta com apenas 3 participantes, eu (Jefferson), a Jessica (minha filha) e o Cristiann (namorado dela).
Depois de jantarmos uma deliciosa  lasanha feita pela Jessica preparamos a mesa.